Imperfeita.


O receio de me entregar a ti apodera-se de mim quando nos vejo.
Sinto que esperas mais do que aquilo que sou.
Espectativas altas levam a grandes desapontamentos. Não quero isso, aumenta a probabilidade de te perder, de perder o que temos.
Não crio espectativas, não acredito nelas, abraço o que existe para mim para o valorizar. Mas sei que tu crias, é inato.
A imperfeição leva de mim o que quer, até o que sinto por ti.
Sucumbo a ela como ser humana, como mulher. Não me esperes anjo ou deusa, asas não tenho nem a beleza é pura.
Imperfeita, quero que me vejas e abraces como sou. Mulher que te quer amar,menina nos meus defeitos.

Autor: Erika

Quem escreve: De nome: Erika. Tenta escrever o que mais lhe apetece. Tenta ser simpática. Quando não reclama, sugere. Sorri muito. Atribui significados importantes à musica, ás cores, cheiros, sabores, texturas. Teimosa, orgulhosa, ambiciosa q.b., não cria espectativas, cria objectivos. Gosta de dormir, é preguiçosa mas detesta preguiçar. Perde-se na internet. Perde-se naquele momento perfeito. Perde-se na fotografia. Perde-se nas pessoas. Perde-se na paixão. É apenas mais alguém que escreve.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s