Grito Vazio!


Não sei o que dizer nestes dias em que acordo e sinto a saudade estrangular-me. E eu tento distraí-la mas não consigo. E é uma luta constante.
Acordo sem fôlego e abro os olhos e vejo-te. E volto a fechá-los com toda a força e vejo-te! Pára de surgir assim sem seres convidado! Estas partidas que o meu cérebro me faz, que não consigo parar esta projeção de ti em mim!
E vens e insistes. E eu respiro fundo e admito para mim mesma que sinto a tua falta, mas não chega! Tenho vontade de o gritar com toda a força vital que tenho e admitir com toda a força deste vazio que me deixaste – sinto a tua falta. Sinto a tua falta. Tenho demasiadas saudades tuas. Sinto a tua falta, que dói! E na maior parte dos dias consigo esquecer essa dor, mas hoje não. Agarrou-se ao meu coração e aperta-o por dentro. E nem consigo dizer mais nada. Não sei o que dizer mais a não ser que sinto a tua falta. Mas só o digo a mim mesma, mais ninguém compreende. Nem tu.

Autor: Erika

Quem escreve: De nome: Erika. Tenta escrever o que mais lhe apetece. Tenta ser simpática. Quando não reclama, sugere. Sorri muito. Atribui significados importantes à musica, ás cores, cheiros, sabores, texturas. Teimosa, orgulhosa, ambiciosa q.b., não cria espectativas, cria objectivos. Gosta de dormir, é preguiçosa mas detesta preguiçar. Perde-se na internet. Perde-se naquele momento perfeito. Perde-se na fotografia. Perde-se nas pessoas. Perde-se na paixão. É apenas mais alguém que escreve.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s