O Livro

«Nestas impressões sem nexo, nem desejo de nexo,
narro indiferentemente a minha autobiografia sem factos,
a minha história sem vida.
São as minhas Confissões, e, se nelas nada digo,
é que nada tenho que dizer.»

O Livro do Desassossego, Fernando Pessoa, P.49

livro_reclama.jpgreclamação
Do latim reclamatióne-, «grito de desaprovação»

substantivo feminino

1. acto ou efeito de reclamar;

2. protesto; queixa;

3. reivindicação; exigência;

4. DIREITO impugnação da decisão junto do próprio órgão que a proferiu;

Se é pra reclamar, sugerir, criticar ou até mesmo acarinhar. Aqui é o sitio certo. Para mim e para os outros, sendo o Livro de Reclamações de dominio público.

Este Blog e o seu conteúdo estão protegidos sob a Licença da Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a Obras Derivadas 2.5 Portugal.

Creative Commons License
Blog Livro de Reclamações by Erika Martins is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Não a Obras Derivadas 2.5 Portugal License.

6 opiniões sobre “O Livro”

  1. Olá João!

    Podes utilizar as imagens à vontade.
    A maior parte delas não são minhas. Muitas delas têm o link para o verdadeiro autor outras não têm porque simplesmente estavam guardadas no meu computador sem referência.

    Muito poucas são de minha autoria (algumas são fotos minhas ou tiradas por mim e outras que eu própria concebi) penso que essas também estão identificadas como minhas.
    Feel free to use.

    Eu só quero que me peçam permissão pelo uso das minhas palavras que são muito muito pessoais, mas obrigado por perguntares.

    Quanto ao Paper Waves, gostei muito.

    Obrigada e volta!

  2. Eu só venho aqui, eu só venho aqui, pois, venho mesmo aqui, precisamente a este espaço, bem, venho só aqui para, pois, para dizer a todos, ao mundo em particular e a Portugal em geral, para transmitir a todos que, e preparem-se meus amigos para uma hedionda notícia, uma história que vos fará ficar de pé nas noites mais escuras e, como efeito secundário, uma pequena comichão no terceiro dedo do pé esquerdo, venho aqui dizer a todos, que espero que estejam sentados ou deitados para poderem receber esta notícia como ela o merece, digo-vos que um comentário meu, um comentário mesmo daqueles pessoais meu (não MEO, isso é outra história), foi adulterado pela pessoa que está escondida nas entranhas deste blog, uma pessoa fria e cruel de olhitos verdes, uma pessoa que fugiu para um planeta habitado por uma flor, essa pessoa modificou e, espasmei-se, sem meu consentimento e autorização, um comentário, um singelo comentário que basicamente e inocentemente continha palavras lascívas e que normalmente são utilizadas em películas transmitidas em certos canais a certas horas da noite, foi isto que aconteceu meus amigos, meus camaradas cibernéticos, vamos todos unir-nos contra esta situação e tomar medidas drásticas, proponho que ofereçamos doces, festinhas e miminhos à principal e única culpada pela situação descrita. Uni-vos todos!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s