O Livro de Reclamações por José Alberto Quaresma

Gostei do que li e é por isso que aqui está! Concordo plenamente com o que este senhor diz, sublinho e assino por baixo! Deveriamos nós andar “com um livro de reclamações debaixo do braço”!

getimage.jpg« O Livro de Reclamações existe há muito. A sua introdução visou proporcionar ao comprador a reclamação, no local, quando o serviço prestado não tinha a qualidade devida. É um útil instrumento de defesa do consumidor. Pode ser, também, subterfúgio para desencrencar um descontrolado que geriu mal o orçamento das férias no Algarve.

Sei de um, em défice de cafeína, que ao terceiro café ingerido pediu o livro de reclamações para não pagar nenhum. Café fraco, claro! O dono da pastelaria não foi na conversa. Mas teve de beber chá de tília para responder, com caligrafia firme, à reclamação.

Sei de outro, o porta-voz de um casal, que não quis pagar a estadia num hotel. Alegava, abespinhado, que o quarto não tinha privacidade para relações sexuais. A reclamação era justa. Os empresários de hotelaria deviam facultar quartos insonorizados de borla para a patriótica missão de promover fantasias eróticas ou treinos de procriação.

Um português desocupado pode sentir saudades de encanzinar. Respeitemos a necessidade. Mas qualquer compatriota com excesso de civismo no sangue – e não há poucos – devia trazer consigo livro de reclamações, de uso obrigatório. Palpita-me que haveria meio País a reclamar do restante, e vice-versa. De mal consigo, ou com o semelhante, ao menos por escrito. Tem mais forçain Correio da Manhã

Hoje no trabalho.

Cliente: Boa tarde, será que me poderia dar informações sobre o Serviço Duplex ADSL da Vodafone?(sim eu trabalho na vodafone)

Eu: Com certeza!(…) Mas de momento na área ainda não existe cobertura para o serviço mas posso tentar saber para quando estará disponível.

Cliente: Se me fizesse esse favor agradecia muito, estou mesmo interessado.

[…]

Linha de Apoio à Loja: “Colega tenho a informação aqui que o serviço estará disponivel para Outubro de 2020!”

Eu: […] (muitas gargalhadas) 2020??? Está a brincar não!?

E é por isto que digo que o Algarve é o fim do mundo e estas situações o fim da picada.

E chega Setembro…

E com Setembro chega…

…O inicio das aulas para muita gente, muita gente meeesmo!

Chegam os dias cada vez mais curtos, mas não necessáriamente mais frios.

As praias vazias com o desertar dos tugo-turistas.

Chegam os colegas de turma, os amigos de escola, os amigos do peito que estão longe.

Chegam os caloiros, começam as praxes, os jantares de curso, as noitadas académicas. Os gritos dos académicos, os brindes à sangria, os jarros de cerveja… (ainda faltam 15 dias mas, chegam!)

Menos clientes na loja.

O começo das novas temporadas das minhas séries favoritas. Sim grandes vicios!

  • House Md, 4ª temporada, com estreia prevista para dia 25 de Setembro na FOX.
  • Heroes, 2ª Temporada, com estreia prevista para 24 de Setembro.
  • E Finalmente Dexter, 2ª Temporada, com estreia apontada para 30 de Setembro.

Mal posso esperar.

Um dos meses que mais gosto, por acaso, até é Setembro. 

Só me escorre…

Hoje do cérebro só me escorre:

» Que só me apetece estar contigo e qualquer desculpa é válida. Mas…

» Já paravam de falar da Marinha Grande no Telejornal e afins, raios parta! Por razões de força maior!

» O Sr. Primeiro Ministro ás vezes até faz qualquer coisinha de jeito! Aqui, resume-se bem resumido o quê!

» As férias acabam segunda. Segunda!! Hummmpf.

» Spider pig..Spider Pig! Alguém que me arranque esta música da cabeça!

Dos meus dedos só me escorre Silêncio.

que te quero dizer: Chama Por Mim – Ezspecial